sexta-feira, 12 de outubro de 2012

Em grego eles se entendem

O campeonato grego, que não é um dos mais importantes a nível internacional tem este ano um motivo de interesse extra: os dois maiores clubes são treinados por portugueses. Leonardo Jardim no campeão Olympiacos e Jesualdo no histórico Panathinaikos. Por pouco que Sérgio Conceição também não se juntava a este rol e ia treinar o AEK mas o Presidente algarvio não deixou.

Uma coisa é certa, um treinador português vai ser campeão.

Para acrescentar ainda temos Fernando Santos como seleccionador grego. A sorte por vezes sorri aos audazes, e para bem do futebol grego, os dois treinadores das equipas que mais contribuem com jogadores para a selecção falam a mesma língua que o seleccionador, e neste caso não é o grego. 

No entanto, a polémica em torno de jogadores que chegam aos clubes lesionados da selecção também já chegou à Grécia e neste caso Pana e Piacos queixaram-se relativamente a esta situação. Apesar da nacionalidade ser a mesma, amigos amigos, futebol à parte.....

quinta-feira, 11 de outubro de 2012

V de voltou o Veiga

As eleições no Benfica no próximo dia 26 prometem ser emocionantes. Vieira recandidata-se a mais um mandato. Quase dez anos depois e com apenas dois campeonatos no bolso, o actual presidente tem aqui a sua ultima oportunidade para quebrar a hegemonia do FCP. Se assim não for, os dragões irão mesmo ultrapassar o Benfica em número de campeonatos nacionais, objectivo de Pinto da Costa. Tendo em conta que não se vislumbra mais nenhum candidato a vencer o campeonato, que não estes dois; os dois Sportings ainda precisam de outros argumentos; caberá a Benfica e FCP a repartição dos titulos nos próximos anos.

Vieira conseguiu calar Moniz ao integrar o ex director da TVI na sua estrutura. Se as coisas não correrem bem, o próprio Moniz encarregar-se-à de ser uma voz crítica, até lá vai aprendendo algumas coisas. Contudo, Moniz pode tornar-se uma voz incómoda na estrutura benfiquista. Não só pelo seu passado de concorrente de Vieira mas porque não perceber muito de futebol.

Rui Rangel apareceu à ultima da hora. Para ser uma candidatura mais sustentada tinha de anunciar o seu intento á mais tempo, ou então está confiante que a nação benfiquista não vai dar mais uma oportunidade a Vieira. A apoiar Rangel está José Veiga. Sim, aquele que foi campeão em 2005 e depois foi-se embora, desatando a criticar Vieira. 
Veiga prometeu que voltaria e aí está ele. Não me parece que o titulo de 2005 tenha sido obra dele, até porque foi um campeonato conquistado com muita sorte à mistura. Além do mais, o Benfica não precisa da figura de director desportivo. Veja-se o caso do Sporting....................
Tem de ser o Presidente a mandar no futebol, estando no entanto rodeado de pessoas que o aconselhem de forma correcta mas que não apareçam. Que estejam nos bastidores para que não haja problemas de comunicação entre equipa técnica e Presidente. Tem de ser o próprio Presidente a estabelecer essa conexão com o treinador. É por esta razão que Rui Costa agora mal se vê.....

segunda-feira, 8 de outubro de 2012

Melga e Enzo, apostas de risco ou de futuro?

No final do jogo com o Beira Mar, Jesus afirmou que o lugar de Enzo Perez é no meio e não na linha.
O jogador não gosta muito de jogar ali, mas o treinador é que manda. Tal como Melgarejo, trata-se de uma adaptação de Jesus que se tornará numa solução definitiva, isto independentemente se o Benfica for ao mercado em Janeiro para colmatar estas duas ausências, mas tendo em conta as declarações de Vieira relativamente ao investimento, o mais provável é que não haja reforços na reabertura do mercado.

Contrariados ou não, a verdade é que tanto o paraguaio como o argentino vão ter de se sacrificar em prol da equipa.
Para já, a equipa tem funcionado se bem que haja uma certa limitação em termos de posicionamento no meio campo, o que é normal. No entanto, os grandes testes ainda estão a caminho, bem como o carrosel de jogos. E com o acumular da época vem mais cansaço. As únicas alternativas às duas teimosias de Jesus são de dubia qualidade e em relação ao meio campo só mesmo recorrendo à equipa B.

Vai o Benfica arriscar e jogar com adaptações e jovens da formação? Só mesmo lá para Janeiro é que sabemos mas as vendas de Javi e Witsel ao mesmo tempo significam uma nova política em termos de contratações. Há que apostar na prata da casa e rezar para que funcionem. No entanto, isto poderá custar o lugar do actual treinador. Resta saber se Jesus concorda com o novo alinhamento de Filipe Vieira.


sexta-feira, 5 de outubro de 2012

Feitiço virou-se contra o feiticeiro

Sá Pinto já não é treinador do Sporting. O coração de leão deixou de bater. Não agora mas em Maio ultimo aquando da perda da Taça de Portugal. Sá Pinto mostra muita raça mas tem pouco conhecimento técnico-táctico. Nestes últimos meses isso notou-se bastante. O leão tem ainda de conhecer os bastidores do futebol.
A sua ascensão foi rápida mas a queda veio a revelar-se ainda maior. Não tendo tido um percurso normal dentro do futebol, Sá Pinto vai ter de escolher um clube menor para relançar a carreira.

Quem se deve estar a rir é Domingos. O antecessor de Sá Pinto sofreu com as investidas de Sá dentro do clube. Agora o feitiço vira-se contra o feiticeiro. 
Sá durou 8 meses à frente da equipa leonina. Depois de ter falhado como director desportivo, a sua carreira como técnico no Sporting acabou cedo demais. Tão cedo Sá não volta a Alvalade como membro da familia leonina....

O próximo senhor que se segue é Oceano. Mais um homem da casa, mas desta vez de forma interina. Até encontrar um sucessor de Sá Pinto, Godinho Lopes ainda vai sofrer algumas desilusões. O mais certo é que no próximo ano haja eleições antecipadas, até porque a cabeça de Sá não é a unica que devia rolar.

segunda-feira, 1 de outubro de 2012

A primeira mão cheia

Com as primeiras 5 jornadas realizadas, já se pode fazer um primeiro balanço do campeonato.
A primeira é que Benfica, FCP e Braga estão num nível muito superior aos demais adversários. Nota-se que existe uma grande diferença entre estes três e os restantes 13. No entanto, a diferença entre os três é diminuta. O Sp.Braga conseguiu reduzir as distâncias até por força das ausências de Hulk,Witsel e Javi que obrigam FCP e SLB a mudarem a forma de jogar. Os bracarenses estão consolidados.

Depois destes três clubes, vem a restante armada com a Académica no quarto lugar. Este equilibrio no meio da tabela prevê-se equilibrado até final, restando saber que equipas irão descolar da confusão. Académica, Maritimo, Paços de Ferreira e Estoril parecem os melhores de entre os piores. 

Quanto ás restantes equipas irão mudar mudar de posições ao longo do campeonato mas sempre com o pensamento na manutenção. De realçar a fraca competitividade mostrada por Guimarães e Nacional. 

Em relação ao Sporting ninguém sabe por onde andará. Se na luta pelo titulo, se a lutar pelo quarto lugar ou no meio da confusão. Já perdeu 9 pontos em 15 possíveis, mas podiam ter sido mais. Se o Gil Vicente tivesse mais astuto e se o árbitro de sábado não ajudasse os leões ao ter expulso o canarinho Gonçalo Santos. E vem aí o FCP.......

terça-feira, 25 de setembro de 2012

Sporting com uma nova vida?


A vitória de ontem sobre o Gil Vicente, deu uma nova vida ao leão mas também ao seu treinador. É notório que pelos corredores de Alvalade há quem já esteja farto de Sá Pinto, da mesma forma que anteriormente esteve contra Domingos. 
Contudo, Sá Pinto tem uma ligação especial aos adeptos, o que não acontecia com Domingos. Sá é leão do coração e Domingos tem o coração azul e branco, pelo que os adeptos tolerarão mais os erros de Sá Pinto do que qualquer outro treinador leonino. Até mesmo Paulo Bento.
Um triunfo ontem era fundamental não só para Sá como para Godinho Lopes. Os dois estão na corda bamba e mais uma época frustrante acabará com a marcação de eleições antecipadas.
No entanto, há uma dupla que tem a sua temporada decisiva. Estou a falar de Duque e Carlos Freitas. Estes dois terão de provar que o seu regresso ao Sporting é uma mais valia, porque são eles os responsáveis pela contratação de jogadores. Ou seja, Sá Pinto pede mas Duque e Freitas é que escolhem. 

A vitória de ontem não pode trazer conclusões. O Gil é uma equipa muito má no ataque. Forte a defender mas no ataque ainda tem algumas lacunas. Os dois próximos jogos serão importantes. Em casa com o Estoril e no Dragão. Se o jogo com os canarinhos é de expectativa, a partida no Dragão pode indicar dois momentos: se o Sporting vencer a retoma é uma realidade. Contudo, se o Sporting perder Sá Pinto não terá mais margem de manobra, até porque a distância já começa a ser preocupante. 

Ainda é cedo para percebermos se o Leão tem uma nova vida, no entanto parece que a garra está de volta. 

segunda-feira, 24 de setembro de 2012

Xistra sempre ele

O futebol português tem um défice de qualidade dos árbitros. Isto é inegável. Bruno Paixão, Cosme Machado, Carlos Xistra, Paulo Baptista. Não referi mais nome porque estes são aqueles que andam cá à mais tempo. 
Confesso que ao ver Bruno Paixão num campo de futebol causa-me arrepios. Não entendo como é que aquele profissional ainda não foi despromovido.
Da nossa elite, temos dois bons árbitros: Duarte Gomes e Pedro Proença. O resto não tem capacidade técnica para apitar jogos do 1º escalão. 
Não colocando em causa a seriedade destes árbitros, a sua fraca prestação e os consequente erros colocam em causa a honestidade. Para além de desvirtuarem os campeonatos. 
O caminho da profissionalização é importante, mas não se pode continuar a admitir nos nossos campos árbitros incompetentes. O que se passou ontem em Coimbra foi mau de mais. Xistra prejudicou intencionalmente o Benfica, no entanto a Académica também tem razões de queixa. 
Eu percebo que nas condições actuais ninguém queira ir para árbitro, mas por amor de deus não continuem com os Benquerenças, Xistras, Paixões ou outras aves raras.
Pelo segundo ano consecutivo o Benfica é prejudicado em Coimbra. 

quinta-feira, 20 de setembro de 2012

Começo auspicioso

FC Porto, Benfica e Sp.Braga jogaram esta semana a primeira jornada da Champions. O saldo foi o triplo. Vitória para dragões, empate para águias e derrota para bracarenses.
Este era um jogo importante para os três maiores de Portugal, porque é o inicio de um ciclo desgastante e sem interrupções.
FCP e Benfica começaram uma nova era depois de verem partir os seus craques. O FCP venceu mas não se pode dizer que o jogo em Zagreb tinha sido uma amostra da equipa pós-Hulk. Testes mais dificeis vão comprovar a fiabilidade desta equipa que tem centrais, médios e pontas de lança a menos para uma equipa que se exige dominio em todos os jogos.
O Benfica tem muito trabalho pela frente. Arranjar uma forma nova de jogar dentro do mesmo sistema é a tarefa e Jesus. Ontem viu-se um Benfica a medo, porque foi a primeira vez que jogou sem Javi e Witsel. Sendo Jesus um treinador complicado é provável que ao longo da época haja variantes.
O Braga perdeu com o Cluj, depois da derrota frente ao Paços. Embora os bracarenses tenham perdido não se pode colocar em causa o trabalho de Peseiro, embora este seja também tentado a mudar a equipa.

Tendo em conta os adversários, as equipas portuguesas podem sonhar, mas na 2ª jornada terão de dar mais e melhor, sobretudo águias e guerreiros.

Hoje entram em campo as equipas da Liga Europa. Sporting vai tentar esquecer a crise. Maritimo e Académica fazem a estreia nesta Europa das Jornadas. Dificuldades para ambos, até para a Briosa que vai sentir o peso do regresso aos grandes palcos. 


quarta-feira, 19 de setembro de 2012

Caso Luisão


Retomamos este projecto com o caso Luisão. A agressão do jogador a um árbitro é uma situação grave. No entanto, o espalhafadato que o senhor Juiz é que deveria ser punido. Se repararmos bem Luisão tenta defender os seus colegas e escorrega no relvado, atingindo o árbitro, que depois fez uma cena lamentável e com o mundo todo a assistir.
Pode-se dizer que Luisão deveria ter outro tipo de abordagem, mas não estamos perante um daqueles casos graves de agressão propositada e intencional.
Houve uma certa negligência por parte do jogador mas tendo em conta que não houve intenção, o castigo é inapropriado e desajustado à realidade e importância do jogo.

sexta-feira, 17 de agosto de 2012

Totorelvado - 1ª jornada

Hoje começa a temporada, pelo que o Relvado traz um novo jogo.

A ideia é tentar adivinhar o resultado. É uma espécie de totobola mas com direito a tentar acertar no resultado.

Pelo que, aqui vão as minhas apostas...



  • Olhanense - Estoril = 1-0
  • Rio Ave - Maritimo = 1-2
  • Benfica - Sp.Braga = 1-1
  • Nacional - V Setubal = 3-0
  • P.Ferreira - Moreirense = 2-1
  • Gil Vicente - FCP = 0-0
  • V Guimarães - Sporting = 1-0
  • Beira Mar - Académica = 0-0

Conseguem adivinhar?

terça-feira, 7 de agosto de 2012

Mais uma fuga para o dragão

A novela em torno de Adrien Silva conheceu o seu epílogo final. Andou o Sporting a mascar tanto tempo esta situação, que acaba de perder o jogador. Não sei se as declarações de Sá Pinto antes da final da Taça tiveram influência, mas a verdade é só uma : o Sporting vai perder mais um produto da sua escola para um dos seus rivais. Tendo em conta as características de Adrien, o destino mais provável é o FCP. Adrien cabe que nem uma luva no meio campo azul e branco.

Como ficará Adrien no Sporting? Ou joga sabendo os adeptos que a qualquer momento podem-no perder. Jogando pode ser um incomodo visto que em Janeiro é livre para assinar com qualquer clube. Se ficar no banco ou a treinar-se à parte, a equipa leonina fica com um excedente....

O melhor é vender o jogador para não criar instabilidade e muito menos correr o risco de o ver jogar de dragão ao peito na próxima temporada. Só que se Adrien for vendido, não é dificil aos azuis irem resgatá-lo a um clube qualquer.

Sintomático foi a forma como o jogador avisou a estrutura dirigente leonina. É um forte sinal.

Raio X : Estoril Praia

Regressado à 1ª liga, quase nove anos depois, o Estoril Praia volta com ambição de querer manter-se entre os grandes mais do que uma temporada. Para isso, os canarinhos contam com o experiente treinador Marco Silva e com a maior parte da equipa que foi campeã da 2ª liga. No entanto, há um reforço de peso que se chama Hugo Leal. Contudo, não deverá por aí que o Estoril terá qualidade. A base da época passada deve garantir tranquilidade numa Liga que terá na manutenção grande parte dos 16 clubes o seu ponto de interesse.

sexta-feira, 3 de agosto de 2012

Vender a pérola


O empréstimo de Nélson Oliveira ao Deportivo da Corunha foi um erro tremendo. Não que a sua continuidade no plantel benfiquista fosse melhor, mas o problema é a demasiada concorrência. Isto porque jogadores como Kardec, Michel e Mora ainda estão à procura de um lugar ao sol. Com isso, retira-se espaço a valores seguros como Nelson Oliveira. Ora tendo Cardozo, Saviola e Rodrigo como pontas de lança, o Benfica não precisava de ir contratar Michel ao Paços e de continuar a insistir em Mora e Kardec. Por tudo isto, Nelson Oliveira não tem direito a oportunidade e assim é logo emprestado para não perder a embalagem da pré-época.

Não se percebe como é que Jesus ainda não percebeu que Mora e Kardec não estão à altura da camisola do Benfica. Com Cardozo, Saviola, Rodrigo e Nélson oliveira o Benfica fica bem servido de Pontas de Lança.

Com avançados e extremos em demasia, o problema da lateral esquerda continua. Conhecendo bem Jesus, ele está a preparar-se para insistir em Melgarejo e tendo Luisinho como segunda opção. Tal como aconteceu na época passada, vai ser por ali que a equipa irá meter água se não for rapidamente contratado um lateral esquerdo. Mas aí coloca-se outra questão: o que fazer com Melgarejo, já que há excesso de extremos e avançados?


quinta-feira, 26 de julho de 2012

Leão com ambição

O Sporting já ganhou no campeonato dos reforços. Gelson, Labyad, Rojo e Boulahrouz já cá estão, sendo que parece iminente a contratação de uma Viola.
A equipa leonina fez bem em se despachar da velha guarda. Polga, Rodriguez, Evaldo já não davam mais. A entrada de qualidade para sectores débeis da equipa é um sinal de rejuvenescimento e ambição. Com estas contratações mais os regressos de Adrien e Cedric, Sá Pinto tem matéria prima para lutar pelo titulo. No entanto, a perda de Matias Fernandez é perigosa e pode custar caro ao Leão, já que não há nenhum génio a fazer de 10 e o Sporting gosta de jogar pelo meio.
As contratações foram caras, veremos se no futuro terão retorno. Mas no futebol serão os resultados a ditar a sorte. No entanto, este leão parece-me com bastante ambição.

quinta-feira, 12 de julho de 2012

Raio X à nova época : Moreirense

O Moreirense respira confiança e tranquilidade para a nova temporada. Ao contrário da ultima passagem pelo primeiro escalão, a equipa de Moreira de Cónegos tem este ano mais condições para fazer uma temporada tranquilidade. 

Jorge Casquilha garante capacidade técnica. A base da equipa manteve-se, sendo que o futebol praticado pelo Moreirense é muito superior comparando com alguns clubes que já andam na 1ª há bastante tempo. É certo que os cónegos farão parte dos 9 clubes que lutarão para não descer mas existe motivo para confiança.

segunda-feira, 9 de julho de 2012

Novos "misters"

A época que começa agora é marcada por uma novidade. Muitos treinadores que se apresentam no campeonato são novos, ambiciosos e muitos deles fizeram a sua carreira no relvado. A aposta em  Nuno Espirito Santo, Paulo Fonseca, Marco Silva e Casquilha, e a manutenção da confiança em Sérgio Conceição, Pedro Emanuel, Sá Pinto e Pedro Martins  revelam um sentido de ambição por parte dos dirigentes dos clubes. Se durante anos tivemos de aturar a velha guarda que orientava dois ou três clubes na mesma temporada, é possível que nesta época venha a existir menos chicotadas psicológicas. Por uma razão muito simples: O tempo dado aos novos "misters" vai ser maior e a paciência também. 

O campeonato nacional é composto por 16 treinadores portugueses, e só os mais velhos Peseiro, Jesus, Caixinha, Rui Vitória e José Mota podem trazer maior estabilidade às equipas que orientam. Há juventude mas também existe qualidade técnica, pelo que grande parte tem possibilidade de chegar a um clube de topo. No entanto, esta juventude que agora está sentada no banco promete trazer qualidade técnica e equipas de ataque ao nosso campeonato. Tendo estes novos treinadores jogado nas principais equipas portuguesas, sabem perfeitamente como anulá-las.

É de saudar esta aposta de risco por parte da maioria dos clubes de 1ª liga.

Número 1

Aí está. Roger Federer venceu o seu 7º torneio de Wimbledon como se pode constatar pelo quadro electrónico atrás do suiço. Uma vitória sem espinhas perante um Andy Murray ainda verde para as grandes decisões.
Vitória e regresso ao topo do ranking ATP.....
Os campeões voltam sempre!

sexta-feira, 6 de julho de 2012

Federer está de volta

É verdade, após alguns anos de ausência de finais do Grand Slam, Roger Federer está de volta à final de Wimbledon, talvez o piso que melhor se adequa ao seu estilo de jogo. Com a derrota de Nadal na 2ª ronda, Federer já é numero 2 do Mundo, o que lhe possibilita a faculdade de jogar as meias finais dos grands slams com um adversário teoricamente mais fraco, pois na outra meia final estarão Djokovic e Nadal. Daí que ao ter vencido hoje Djokovic e se ter apurado para a final, Federer pode ter aqui a fortuna de sonhar com o regresso ao topo da hierarquia. 
"Basta" que agora vença o sérvio nas finais.....E se Nadal o fizer nas meias, pode suceder que Federer chegue a numero 1 sem ter de ganhar ao seu mais directo concorrente que ainda continua a ser Nadal.
A luta entre os três continua e promete durar, agora com Federer a assumir um papel principal.

quinta-feira, 5 de julho de 2012

Raio X á nova época : Rio Ave

O Rio Ave inicia esta temporada uma nova era. Depois de anos com Carlos Brito ao leme, a equipa de Vila do Conde tem novo timoneiro. O objectivo é o mesmo, mas ir um pouquinho mais além que Carlos Brito costumava fazer. No entanto, por mero azar a equipa do Rio Ave não foi à Pré-eliminatória da Liga Europa. Mas a Académica acabou por ganhar a taça.
Sai Brito entra Nuno Espirito Santo. A aposta numa estreia e num treinador jovem saído dos relvados é politica para seguir nos próximos anos. Vai ser curioso ver a velha guarda ir embora e em sua substituição novos valores que foram rivais dentro dos relvados portugueses.
A aposta em Nuno Espirito Santo é arriscada mas em Vila do Conde já se ansiava por uma nova cara e que trouxesse um novo tipo de futebol para aqueles lados. Brito era adorado mas o facto é que o Estádio dos Arcos não lutava por mais do que a simples permanência.
Veremos como se dá o Rio Ave sem os empréstimos de Atsu e Yazalde, contudo a juventude de Joao Tomas ainda é uma arma importante.
O Rio Ave será o mesmo mas com uma pontinha de ambição própria de um treinador jovem.


terça-feira, 3 de julho de 2012

Raio X à nova época : Vitória de Setubal

Com o regresso aos trabalhos das principais equipas e com a nova época a recomeçar, faremos uma análise às equipas que estarão a disputar o campeonato nacional 2012-2013.
O primeiro a ser analisado é o Vitória de Setubal. José Mota pegou na equipa no fim do campeonato passado e conseguiu levar o Vitória com os mesmos problemas de sempre a um lugar respeitável na classificação. A vitória frente ao Sporting foi o ponto mais alto de uma temporada que ameaça a descida de divisão. Sabendo dos problemas com que este clube se debate, o fim do clube era uma realidade. No entanto, José Mota deu uma segunda vida a um clube que passa constantemente por dificuldades financeiras que se reflectem nos resultados. Não se entende como um clube que tem uma cidade apaixonada pelo seu vitória não consegue dar o passo em frente e garantir estabilidade. Assim sendo, todos os anos é sempre uma aflição e 2012-2013 não será excepção, embora com Mota ao comando poderá não haver grandes preocupações a nivel de equipa. O problema maior é mesmo a questão financeira.


Seria uma pena que o Vitória tivesse o mesmo destino que Leiria, Farense, Belenenses, Campomaiorense, entre outros. Este ano houve poucas mexidas no plantel o que poderá significar menos despesas na aquisição de atletas. Contudo não será de espantar que a meio da temporada se fale em salários em atraso ali para os lados do Bonfim.

Segunda oportunidade para Villas Boas

André Villas Boas é o novo técnico do Tottenham sucedendo ao histórico Harry Redknapp no comenado dos Spurs. Após o falhanço no Chelsea, Villas Boas muda-se para White Hart Lane mas continua em Londres. Será a segunda oportunidade que o futebol ao mais alto nível lhe dá. Se não conseguir agarrar os grupos que costumam dominar o balneário nestas equipas inglesas, André voltará a falhar. Caso contrário, poderá reiniciar a sua carreira. No Tottenham ninguém lhe pedirá titulos, pelo menos por enquanto, o que para André é uma boa noticia, já que pode enfrentar a liga inglesa sem pressão. No entanto, ser treinador do Tottenham não é fácil, até porque o clube tem crescido vertiginosamente. Repare-se o que aconteceu a Redknapp, andou a lutar pelo titulo mas na recta final perdeu o terceiro lugar para o Arsenal.
Uma vez no topo, qualquer deslizer será fatal e André sabe-o bem.
O primeiro desafio será entrar na Champions League.

O futebol inglês não esqueceu o "herdeiro" de Mourinho em terras de sua majestade, mas nesta nova aventura terá de ser mais eficiente. Até porque pode-lhe acontecer que caia no colo um cargo para uma equipa de topo...

segunda-feira, 2 de julho de 2012

Duelo luso na Grécia

Para além de continuarmos a seguir a liga espanhola com interesse, por causa de Mourinho e com o provável regresso de Villas Boas a Inglaterra, este ano o campeonato grego vai ter um aliciante especial. Não que o campeonato vá parar, caso a Grécia entre em bancarrota, mas os dois principais clubes gregos terão como técnicos dois treinadores portugueses. O Panathinaikos continuará com Jesualdo Ferreira e o campeão Olympiacos tem ao seu leme o ex-bracarense Leonardo Jardim.

Isto quer dizer que, salvo algum acidente de percurso, o vencedor da liga grega será português. Vai ser interessante assistir a este duelo luso e com Fernando Santos, seleccionador a assistir por fora. Para Santos a comunicação com os dois clubes vai ser bastante mais fácil.

Veremos quem ganha o campeonato e se Jardim está na Grécia para fazer a ponte para o FCP. Vença ou não a liga portuguesa Vitor Pereira acabará a sua ligação ao clube no fim desta época. Até pode acontecer que aconteça uma troca de treinadores entre FCP e Olympiacos.

Regresso aos trabalhos

Hoje o futebol nacional está de regresso ao trabalho. Ainda não começaram os jogos mas as equipas retomam os trabalhos de pré-temporada. Benfica, FCP, Braga, Guimarães e outros regressam após um defeso pouco mexido. No entanto é um factor que se percebe tendo em conta a crise que atravessamos mas também o facto do Europeu ter agora acabado e as principais movimentações internacionais começarem-se a fazer agora. Não que os clubes portugueses venham a efectuar grandes transacções, mas porque dos excedentários das grandes equipas que se irão abastecer aos países que estiveram no Euro, pode haver um ou outro craque que venha parar cá a Portugal.

Sintoma da crise financeira é o facto de Benfica e FCP regressarem aos trabalhos sem grandes novidades. Nos encarnados Ola John é a principal figura, nos azuis fazem-se contas áqueles que ainda podem sair. Moutinho, Hulk e Alvaro Pereira são os mais cobiçados. Contudo, arrisco a apostar que iremos ter um campeonato com praticamente as mesmas figuras do ano passado. Isso será bom em termos de espectáculo pois não iremos assistir ao famoso período de adaptação por parte de algumas estrelas. A manutenção dos técnicos também servirá para que não se perca tempo a ensaiar novas tácticas. A garantia de permanência da maioria dos jogadores e a aposta na continuidade técnica são factores que Benfica, FCP e Sporting têm em vantagem no campo interno mas também externo, já que depois do brilharete da selecção, o futebol português vai estar sob vigilância.

Dos quatro grandes, o unico que mudou de técnico foi o Braga. Peseiro entrou para o lugar de Jardim que foi para a Grécia. Uma aposta forte de Salvador que pretende assim dar um sinal aos adeptos mais também aos jogadores. Esta será uma temporada para ganhar, nem que seja apenas a taça da liga, mas com Peseiro ao leme, a ambição do Presidente bracarense está na luta pelo titulo. Em termos de jogadores, ainda é cedo para se perceber a equipa-tipo, mas Peseiro deverá jogar no 4-4-2 losango que tanto sucesso deu no Sporting.

Com estes condimentos todos, há a garantia de espectáculo na frente do campeonato, porque daí para baixo vamos assistir a um campeonato dos pobres. O Guimarães anunciou um corte no orçamento e lutará pela manutenção, o Nacional é uma incógnita. O Maritimo e Olhanense poderão continuar as boas exibições da temporada passada. A vencedora da Taça andará a sofrer, até porque até Dezembro estará a jogar duas competições.

Curiosidade para ver em acção o "novo" Paços Ferreira de Paulo Fonseca, o Rio Ave que após decadas já não tem Carlos Brito, terá um estreante Nuno Espirito Santo e o Estoril Praia, vencedor da 2ªliga.

A melhor de sempre

O terceiro titulo alcançado pela selecção espanhola de forma consecutiva é o resultado de um trabalho que vem sendo desenvolvido pela Federação mas também por dois clubes : o Barcelona e o Real Madrid. Mais o primeiro que o segundo, mas a base desta selecção e forma dela jogar foi produzida pelo Barça, tendo Pep Guardiola sido o seu autor mais vísivel.

Neste Europeu apenas uma selecção não sofreu golos contra a Roja e até poderia ter eliminado a actual bicampeã. A selecção de Portugal foi a unica que descobriu o antídoto para travar o tiki-taka e os seus virtuosismos que até permite não jogar com um ponta de lança fixo. Croácia, Itália(duas vezes), Rep Irlanda e França sofreram aos pés da Roja e acabaram humilhados aos pés do futebol "carrossel". Portugal para além de ter anulado este labirinto conseguiu criar oportunidades de golo para que metesse a Furia no bolso. Não me lembro de, quer a França, quer a Itália de disporem de qualquer oportunidade de fazer tremer Iker Casillas.

Com apenas um golo sofrido, a Espanha é bicampeâ europeia com um titulo Mundial pelo meio. Segue-se o Mundial de 2014 que eternizará ainda mais esta equipa ou então marcará o fim de uma geração de ouro no futebol espanhol mas sobretudo no futebol mundial. Dificilmente a Espanha ou qualquer outro país conseguirá um feito igual ao da Roja, isto porque o futebol nos dias que correm é cada vez mais competitivo e equilibrado. Só mesmo as Super equipas como esta, estão acima de todas as outras. No entanto, o tiki-taka não dura sempre porque os intervenientes também envelhecem....

segunda-feira, 25 de junho de 2012

Cair sempre nos Penalties

É a sina dos ingleses. Em 6 jogos relativos às fases a eliminar nas grandes competições perderam sempre nos penalties. A unica excepção foi em 96, aquando da vitória sobre a Espanha nos Quartos de final, só que esse feito é abafado pela eliminação nas meias aos pés da Alemanha também por grandes penalidades.

A mesma situação repetiu-se ontem, em 2006 frente a Portugal, em 2004 também frente a Portugal, em 98 frente à Argentina, o caso do Euro 96 e no Mundial 90 frente à Alemanha.

O curioso é que os ingleses ontem viam no pontape da marca de grande penalidade a unica forma de ganhar a uma Italia que foi superior nos 120 minutos de jogo. Só que o tiro saiu pela culatra.....

Também a Italia tem um historial negativo neste tipo de decisões, só que como desta vez tinha a Inglaterra pela frente, a vitória era mais que certa. Pirlo deu o mote...

terça-feira, 19 de junho de 2012

Michel, le peuple

Michel Platini deu uma opinião muito perigosa. Ao ter desejado uma final entre Espanha e Alemanha, o Presidente da UEFA lançou suspeitas para os próximos jogos, que vão ser os mais equilibrados dado tratar-se do começo do famoso "mata mata".
Se Espanha e Alemanha tiverem a mesma sorte que os bafejou no ultimo jogo da fase de grupos, em que a ajuda do árbitro poderia complicar o apuramento; então vamos ter um Europeu decidido. Estranho é que Platini não defenda a sua França que neste momento parece ser a selecção com mais possibilidade de contrariar os dois presumíveis finalistas.

segunda-feira, 18 de junho de 2012

Vitória de Bento

Portugal cumpriu o objectivo traçado e qualificou-se para os Quartos de Final do Euro 2012. Apesar de estar no grupo da morte, a Selecção nacional superiorizou-se a uma Dinamarca que tinha ficado à frente na fase de apuramento e uma Holanda vice-campeâ Mundial. No mesmo pote estava a Alemanha que tem o estatuto de vice-campeâ europeia.
Fui um dos criticos de Bento e desta selecção, mas após 3 jogos estou rendido à equipa nacional. É verdade que falta a Portugal um artista no meio campo que distribua o jogo e por vezes decida sozinho, livrando Ronaldo de alguma pressão que possa sentir, mas nesta equipa o 10 não tinha cabimento, porque Moutinho e Meireles são fundamentais para defenderem e partirem rapidamente para o ataque com a bola nos pés. Ora um 10 puro não conseguia fazer tantas viagens de ida e volta.
Apesar das dificuldades, Bento conseguiu ganhar a equipa ao apostar na manutenção de Postiga no segundo jogo, após algumas críticas de falta de eficácia do ponta de lança português, mas como ontem se viu o nosso homem golo é CR7. Aliás, Portugal nunca teve um homem golo, sendo que a distribuição dos golos sempre foi uma característica nas fases finais.
Uma palavra para o meio campo português que se tem comportado muito bem, sendo que Veloso-Moutinho e Meireles são a melhor tripla do Europeu a seguir ao meio campo espanhol.
Nesta primeira fase é preciso destacar Pepe, Moutinho, Nani e Ronaldo. Estes foram os quatro que estiveram em evidência na fase de grupos. É também notório que a equipa vai crescendo de jogo para jogo e à medida que vão sendo feitas correcções. Ontem notou-se que Van der Vaart não teve mais espaço depois do excelente golo que inaugurou o marcador no jogo de ontem. Insuficiente no entanto.

terça-feira, 12 de junho de 2012

Nadal x 7

Enquanto a Europa e o Mundo se concentravam no Europeu que decorre na Polónia e Ucrânia, em Paris um marco histórico foi registado.
Nadal venceu o torneio Roland Garros pela 7ª vez, superando assim o recorde vitórias naquele torneio, por sinal o mais importante de todos os Grands Slams. A vitória foi conquistada frente a Djokovic que caso vencesse também faria história. No entanto, o espanhol conseguiu levar a melhor e continuar a sua caminhada....

sábado, 9 de junho de 2012

Ressabiamento

As criticas de Queiroz e Manuel José à Selecção Nacional não são novidade. Aliás, o segundo já havia criticado o primeiro antes do Mundial 2010. 
Queiroz nunca esquecerá a forma como saiu da Selecção. Mesmo não sendo Madail o actual Presidente, Queiroz não vai perdoar Paulo Bento e o seu grupo, porque segundo o previsto devia ser CQ a dirigir a selecção neste Euro 2012. O ressabiamento de Queiroz já não é de agora, já vem de há muito tempo. O actual técnico do Irão deveria aproveitar um possível encontro no Mundial do Brasil para se vingar. Mas não, preferiu a via do conflito através da imprensa. 
Já Manuel José tem contas a ajustar com o facto de nunca ter sido seleccionador. Esteve quase a ser mas nunca chegou a ser. Por essa razão, quem paga são os seleccionadores e todos os jogadores que vestirem a camisola das quinas. 
Hoje sabemos que 10 milhões estarão com a Selecção independentemente das opções tomadas. Menos duas pessoas : Queiroz e Manuel José estarão sempre à espera da derrota.

Um "amor" antigo de Salvador

Salvador viu Peseiro livre e arranjou uma forma de o conquistar. A contratação do ex-técnico do Sporting mostra bem a ambição que o Presidente do Sp.Braga tem para o seu clube. Também por esta contratação, se vê que Salvador não morria de amores por Leonardo Jardim apesar do bom 3º lugar. A questão é que Salvador viu em Peseiro a unica possibilidade de conseguir o ceptro de campeão. Jardim esteve quase lá mas falhou nos momentos decisivos e isso Salvador já não perdoa.
Peseiro trará qualidade de jogo a Braga. Curioso é Fernando Couto ser treinador adjunto depois de ter sido director desportivo do clube. Prepara-se mais um novo técnico saído de uma geração de ouro do futebol português.

segunda-feira, 28 de maio de 2012

O primeiro teste

o teste contra Macedónia não correu mal, apesar das palavras negativas de Paulo Bento. Percebe-se que o seleccionador quer tirar mais do conjunto de jogadores que tem.
Há muito tempo que Portugal não joga em ataque contínuo. Não é nem nunca foi uma equipa talhada para jogar em permanente ataque. Apesar de nas campanhas de qualificação, Portugal ter de golear os adversários mais modestos, quando a selecção encontra equipas do seu nível ou superior remete-se ao contra-ataque, aproveitando as saídas rápidas de CR7 e Nani. Foi assim em 2006, 2008 e 2010. E vai ser assim que Portugal jogará em 2012, porque pela frente terá adversários como a Holanda e a Alemanha que gostam de atacar.
Por isso é de prever grande sofrimentos nos jogos da selecção, sempre à espera de uma oportunidade para matar o adversário. Este é um problema da selecção há vários anos. O esperar na retaguarda para iniciar contra-ataques. Jogando assim, Portugal dificilmente ganhará, mas se fizer de outra forma acabará por perder porque não tem jogadores capazes de "enjaular" os adversários à sua grande área.
Com a renovação de Paulo Bento até 2014, a Federação está a dizer que qualquer resultado na Ucrânia/Polónia será bom, mesmo que isso signifique perder os três jogos. O problema é que daqui a 2 anos vamos ter o mesmo problema. Faltam jogadores do meio campo e avançados para que a equipa das quinas entre em campo com vontade e qualidade de vencer.
Scolari deixou um legado que dificilmente alguém irá quebrar. O famigerado 4.3.3 em que se remete tudo à defesa.
A questão é saber se a culpa é dos seleccionadores ou da falta de jogadores....

quarta-feira, 23 de maio de 2012

Em cima do Euro

O Euro 2012 está à porta e todos esperamos uma boa campanha da nossa selecção....
Relvado acompanha todos os jogos e acontecimentos dignos de registo..........
A partir de dia 8 de Junho...

Prémio merecido

A chamada de Hugo Viana à selecção é um prémio merecido para um dos terceiros melhores jogadores da Liga. Com isto, o Sp.Braga coloca três jogadores na Selecção, o que diz bem do crescimento da equipa bracarense.
Viana garante técnica e precisão de passe, apesar de ser mais lento do que Carlos Martins, mas para acelerar o jogo de Portugal, a Selecção tem Moutinho e os seus alas.
No entanto, o trio do meio campo que deverá começar o Europeu será Custódio, Meireles e Moutinho.



sábado, 19 de maio de 2012

Vitória para Paulo Sérgio

Parabéns a Paulo Sérgio que conquistou a Taça da Escócia pelo Hearts. O treinador que foi dispensado de Alvalade conseguiu um titulo. Esta vitória abre-lhe as portas da vizinha Premier League....

A final improvável

Final de Munique entre o Bayern local e o Chelsea. Atento espectador vai ser o Sp.braga

terça-feira, 15 de maio de 2012

Regressos históricos

O final de época traz sempre a curiosidade das subidas e descidas. Todos os anos é a mesma coisa.
Este fim de temporada, trouxe de volta à ribalta do futebol clubes históricos que por diversos motivos tiveram de participar nos escalões secundários.
O Estoril Praia é o primeiro. 7 anos depois está de volta ao 1º escalão. O clube da linha é um habitué das subidas e descidas, no entanto está na altura de se afirmar na primeira divisão.
O Farense regressou à 2ª divisão de onde tinha descido a temporada passada. A equipa algarvia lutará agora para regessar à Liga de Honra.
Aos nacionais subiram CA Felgueiras, Salgueiros 08 e Campomaiorense. Os dois primeiros nasceram depois de os clubes originais terem sido extintos. O ultimo há muito que já se tinha reerguido.
É de saudar o regressos destes nomes à ribalta, e a prova que nunca foram esquecidos é a sua visibilidade depois de refundados, reorganizados, etc etc......
O esquecimento a que foram sujeitos deveu-se ao facto de terem grandes problemas financeiros, não se importando em voltar a construir tudo de novo mas de forma diferente. Foi o que aconteceu com o Farense, que até foi recebido nos paços do concelho algarvio. O destino a que tiveram de ser sujeitos Campomaiorense, Salgueiros, Felgueiras e Farense, será o provável destino de União de Leiria esta época e quiçá do Vitória de Setubal.
O clube de Leiria está no fio e o Vitória está com grandes dificuldades em inscrever a equipa na próxima época, pelo que pergunta-se porque não começar tudo de novo? É que na próxima temporada será o Vitória de Setubal o grande animador da temporada por causa das notícias de salários em atraso.

segunda-feira, 14 de maio de 2012

os 23 de Bento

Eis os eleitos de Paulo Bento para o Euro 2012:

Guarda Redes

Rui Patricio, Beto e Eduardo

Defesa

  • João Pereira
  • Pepe
  • Rolando
  • Bruno Alves
  • Fábio Coentrão
  • Miguel Lopes
  • Ricardo Costa
Médios

  • João Moutinho
  • Raul Meireles
  • Carlos Martins
  • Custódio
  • Miguel Veloso
  • Ruben Micael
Avançados
  • Cristiano Ronaldo
  • Nani
  • Hugo Almeida
  • Helder Postiga
  • Nélson Oliveira
  • Quaresma
  • Varela
Uma equipa equilibrada nos seus sectores, se bem que a defesa pode ser a mais fraca. De referir o meio campo forte. As alas do ataque estão bem entregues com quatro excelentes jogadores, sendo possível a colocação de CR7 como Ponta de Lança.
A inclusão de Custódio e Miguel Lopes é justo pela época que o Sp. Braga fez.
os 23 de Paulo Bento podem surpreender, porque não se trata de uma equipa com muitas estrelas mas de jogadores tacticamente perfeitos.

Chapada no Benfica

Pedro Proença foi o árbitro designado pela UEFA para apitar a final da Champions League entre Bayern e Chelsea no próximo Sábado, na Arena de Munique.
O árbitro do celebre Benfica-FCP que decidiu o campeonato, acaba de ser premiado pela UEFA.
A nomeação de Proença é uma chapada em LFV e todos aqueles que acusam Proença de perseguição ao Benfica. Todos cometem erros, mas a integridade não pode nunca ser posta em causa. LFV, Jesus, Rui Gomes da Silva e outros fizeram um autêntico "assassinio" publico ao árbitro após o jogo do titulo, e isto quando o erro deveria ser imputado ao seu auxiliar, que também vai estar em Munique.
Era curioso perguntar aos dirigentes benfiquistas o que acham desta nomeação, mas como a maioria já deve estar em férias, nada há a responder.
A Uefa calou os dirigentes encarnados que ainda têm na memória, não a má época da equipa, mas uma arbitragem menos conseguida do ponto de vista técnico.

A humildade ganha sempre

Roger Federer venceu o torneio de Madrid frente ao checo Tomas Berdych e assegurou o 2º lugar do Ranking em vésperas de mais um Roland Garros.
A vitória do suiço foi especial, porque o piso do torneio espanhol mudou de cor e foi alvo de criticas. A terra batida azul não teve a aceitação de Djokovic e Nadal que culparam o novo tapete pelas suas derrotas.
Ao invés, o campeão deste ano preferiu alinhar por outro discurso. Para Roger, para se ser campeão é necessário adaptar-se a qualquer piso, temperatura ou outra condicionante. Por tudo isto, aos 30 anos Federer ainda se mantêm no topo do ténis mundial, enquanto Nadal e Nole têm tiques de vedetas.
Roger foi o unico que conseguiu vencer a mudança.


domingo, 13 de maio de 2012

Rui Faria para a mudança de ciclo

O adjunto de Mourinho, Rui Faria pode muito bem vir a ser o treinador do Benfica na época 2013-2014. Os contactos que Vieira tem mantido não visam a próxima temporada, mas a outra. Independentemente do que conseguir Jesus na próxima temporada, o ciclo está a chegar ao fim. Dois titulos nacionais não serão suficientes para manter JJ no clube por mais anos, pelo que é de concluir que no final da próxima época haverá uma mudança de ciclo. Mudança essa que já está a ser preparada de forma inteligente pelo Presidente do Benfica. A próxima temporada também pode marcar o fim de Mourinho no Real. Seguindo Mou para outras paragens, é muito natural que Rui Faria queira começar a sua carreira a solo. Vieira quer salvaguardar para já um bom valor nacional. Não será uma aposta de risco, porque Faria "bebeu" do melhor treinador do Mundo. E além do mais, o Benfica necessita de iniciar um novo ciclo com um técnico jovem mas sabedor, que também faça da  relação com os jogadores a sua principal arma. E este é um dos problemas de Jesus. 
Para que não fuja para os rivais, Vieira já está a tratar do dossier Faria, até porque em 2013-2014 abrir-se-à um novo ciclo no Benfica, FCP e Sp.Braga.

Negócio Incrível

O Incrivel parece estar de partida para o Chelsea. A nova aventura de Hulk será no futebol inglês. Veremos como se adaptará a um futebol mais físico e com marcações mais cerradas. O confronto com defesas mais duros será um teste às reais capacidades de Hulk. E convêm dizer que o actual 12 azul e branco não terá muito espaço para grandes correrias.

a hora do Pastor

Pastor Maldonado venceu o GP de Barcelona e tornou-se assim no quinto vencedor em GP´s esta temporada. Foi o quinto vencedor em outras tantas provas, o que demonstra o equilíbrio neste ano. Isto numa época em que vão-se realizar 20 provas, estando assim em aberto a indefinição em relação ao vencedor até ao último segundo.
Maldonado venceu o primeiro gp da sua carreira, pelo que merece ser levado em ombros por Alonso(2ºclassificado) e Raikkonen. 
O espanhol regressou ao pódio e o Iceman consegue o seu segundo pódio consecutivo. Kimi voltou para andar nos lugares cimeiros, no entanto falta-lhe o regresso aos triunfos. Será no próximo?

campeões no ultimo segundo..

O Manchester City conquistou o seu terceiro titulo de campeão inglês.  No entanto, esta conquista só foi concretizada nos ultimos 5 minutos dos descontos do jogo contra o QPR.
Enquanto o rival United vencia o Sunderland por 1-0 e os londrinos ganhavam 1-2 ao City, nos ultimos cinco minutos dos descontos tudo mudou.
Os golos de Dzeko e Aguero já no ultimo minuto de desconto deram o campenato à equipa de Mancini.
Um final dramático no Etihad Stadium. No fim houve festa para os dois lados : o City foi campeão e o QPR mesmo perdendo conseguiu a permanência.

sábado, 12 de maio de 2012

da descida para a Europa - jornada 30

Caiu o pano do campeonato.
Com quase tudo decidido para a entrada da ultima jornada, faltava apenas saber quem acompanhava a União de Leiria na despromoção. Os candidatos eram a Académica que se deslocava a Guimarães e o Feirense que visitava o Gil Vicente.
O galo confirmou a boa época e venceu os fogaceiros por 3-1. A Briosa venceu dificilmente o Vitória local e garantiu permanência. Mas não só. Devido ao facto do Vitória de Guimarães e do Nacional não terem cumprido os requisitos para a inscrição na Uefa, no caso do Vitória e por razões económicas, situação do Nacional, a equipa da Académica vai regressar às competições da Europa. Isto porque, a derrota do Rio Ave com o FCP permitiu tal acontecimento. O acesso à 3ª pré-eliminatória está assegurado, mas se a briosa vencer a taça entrará directamente no playoff.
O dia termina em beleza para uma equipa que esteve no fio da despromoção.

quinta-feira, 10 de maio de 2012

Benfica pesca na Holanda

Com o aproximar do fim de época, começam a surgir as primeiras movimentações no mercado. O Benfica é o primeiro a aparecer nas capas do jornais. Depois de ter perdido o título é necessário algumas mudanças no plantel.
Da Holanda surgem nomes como Ola John e De Jong. O primeiro vem substituir Gaitan que está com guia de marcha para Manchester. O segundo era uma boa opção para o ataque, mas no ataque há muitos jogadores e nenhum deles sairá para já. No entanto, o Benfica devia garantir já o holandes e metê-lo a rodar.
A lateral esquerda é outro dos pontos fracos que o Benfica vai ter de preencher, bem como arranjar substituto para Maxi.
Em ano de crise financeira e desportiva, dificilmente o clube encarnado conseguirá ir "pescar" ao Euro 2012. Sem sucesso, dificilmente se arranja estrelas.

quarta-feira, 9 de maio de 2012

Taça para Falcão

O Atletico Madrid venceu a Liga Europa por 3-0 frente ao Bilbao.
Falcão ganhou novamente a taça, marcou dois golos e conseguiu pelo segundo ano consecutivo ser o melhor marcador da prova.
Depois de mais uma época fabulosa, Falcão vai de certeza entrar para um clube milionário e poder mostrar toda a sua artilharia na Champions.
Vitória também para Simeone que se estreia logo com uma vitória na Liga Europa.

domingo, 6 de maio de 2012

A vecchia Signora

Nove anos depois, a Vecchia Signora foi campeã de Itália. É o regresso da Juventus aos títulos depois de andar na Serie B e de uma reconstrução lenta e dificil após o escandâlo do Calciocaos. A equipa do mítico Del Piero voltou a intrometer-se no meio dos rivais de Milão.
É um saudoso regresso de um gigante italiano mas também europeu. 
Note-se o facto de após a saída de Mourinho, o Inter de Milão não mais voltou a ganhar qualquer título. Villas Boas está a caminho da Roma, pelo que é necessário encontrar alguém que faça renascer o Internazionale. Recorde-se que após AC Milan e Juventus se terem reerguido do Calciocaos, são estes dois clubes que voltaram a dominar o calcio.

Regresso do Estoril

7 anos depois, o Estoril Praia está de regresso à 1ª divisão. Após uma longa travessia pelo segundo escalão, os canarinhos estão de volta ao convívio dos grandes e agora com melhores condições para fazerem um campeonato tranquilo. A equipa da Linha não vai ter que sobreviver à sombra do Belenenses. Depois de Benfica e Sporting, o Estoril vai ser o terceiro clube da zona de Lisboa na Primeira Divisão. Há que aproveitar essa facto...

A melhor onda é da Nazaré

Garret Mcnamara ganhou o Prémio de Maior Onda Surfada no Billabong XXI Big Wave Awards. A onda de 30 metros que popularizou o Norte-americano foi eleita a melhor de entre outras ondas de grande dimensão.
Este prémio é a confirmação que os desportos de mar estão em alta no nosso país. Há que aproveitar a onda da Nazaré para trazer mais investimentos no turismo..........
Quanto ao desporto, depois da realização do RIP CURL PRO SEARCH, vem aí de certeza o campeonato do Mundo de grandes ondas.
Fica o registo deste prémio.

sábado, 5 de maio de 2012

A penúltima

Hoje tem lugar a penúltima jornada do campeonato.
O 3º lugar e a luta pela manutenção ainda está em aberto, mas o grande apetite é o FCP-Sporting. Sá Pinto e a equipa leonina têm de vencer para arrumar a discussão do terceiro lugar em casa frente ao SP.Braga, tal como aconteceu a época passada.
Em Coimbra e na Feira luta-se por uma manutenção desigual pelo caso da União de Leiria. 
Espera-se goleada na Luz, mas já não terá outro sabor. 
No entanto, este final de época vai ficar marcado pelo alargamento e pela questão da União. Pode ser o principio do fechar de portas de muitos clubes....

quinta-feira, 3 de maio de 2012

Até 2014


A renovação de Paulo Bento até 2014 é uma má notícia. Muito provavelmente, a campanha no euro 2012 vai ser desastrosa, pelo que o actual seleccionador estará em posição fragilizada. No entanto, este sinal de confiança pode ser o apontar a um projecto longo que Paulo Bento já tem vindo a iniciar. 
Os problemas da selecção não passam só pelo Seleccionador mas por garantir uma estrutura que permita a qualquer treinador não ter os problemas que PB tem neste momento. Não há GR, laterais, pontas de lança e o meio campo é de qualidade dúbia. Só mesmo CR7, Nani e Quaresma garantem golos, e os centrais são seguros, mas é pouco para uma selecção que já esteve numa final e meia final consecutivamente. Desde 2008, que a qualidade dos jogadores decaiu e Ronaldo sozinho não resolve.
Nunca fui fâ de PB, mas reconheço que ele tem feito um bom trabalho tendo em conta as limitações, mas mesmo assim acho que há quem consiga obter melhores resultados.

quarta-feira, 2 de maio de 2012

Mou...Sempre Mou!

E já está. O Real foi campeão e Mourinho conquistou mais um titulo. O seu quarto campeonato nacional

terça-feira, 1 de maio de 2012

Mr Hodgson

Roy Hodgson é a partir de hoje e durante os próximos quatro anos seleccionador de Inglaterra. Depois da experiência Capello, os ingleses voltam a ter um seleccionador inglês. Após a experiência Mclaren, a Federação aposta na prata da casa. No entanto, este treinador sempre andou por clubes de pouca dimensão, não tendo qualquer experiência em grandes equipas.
A escolha da FA é portanto, de risco. Contudo, é preciso não esquecer que as anteriores lideranças estrangeiras também não resultaram. Eriksson e Capello não conseguiram chegar lá. Ao tão desejado título que desde 1966 escapa aos ingleses.
Porque o problema da selecção inglesa é sobretudo de jogadores e de um fio de jogo tipicamente inglês. Nas grandes equipas da Premier League ( à excepção do Tottenham..), os treinadores são estrangeiros e pior, a maior parte dos jogadores que integram essas equipas também não nasceram na Ilha. Há muito para trabalhar, para que a Selecção volte a meter as mãos num troféu.

City vai pegar a taça

Vincent Kompany deu o titulo ao City. Ainda faltam dois jogos mas a equipa de Mancini tem agora dois jogos para vencer e ser campeão quase 50 anos depois do ultimo triunfo. Num campeonato em que esteve a liderar, mas depois de se ter deixado ultrapassar pelo United, os citizens conseguiram no jogo decisivo a vitória. 
O mais dificil está conseguido, mas agora à tarefas duras de enfrentar : consolidar a equipa como um grande do futebol inglês (veja-se o caso do Chelsea...) e a partir de agora disputar todas as competições em que estiver envolvido, nomeadamente a Champions. E como o dinheiro não dura para sempre, há que começar a apostar em jogadores da formação para que o clube seja também ele um exportador de jogadores e com isso consiga fazer os seus milhões.

fotografia para a história

Esta foi uma imagem de uma história que correu o mundo desportivo. A União de Leiria jogou com 8 jogadores frente ao Feirense na jornada 28 do campeonato. A vitória dos fogaceiros permitiu a estes ultrapassar a Académica na luta pela manutenção. Os conimbrecenses não vão ter a oportunidade de defrontar o Uniao reduzido a oito logo desde o inicio.
Dos quatro que estão na fotografia pertencem ao Benfica : Oblak, Djaniny, Barkroth e Schaffer, pelo que a situação dos salários não se colocava em causa porque é o clube da Luz que paga a estes atletas.
Dois são juniores que se estrearam no campeonato principal e haviam jogado um dia antes contra o Benfica. No fundo, destes 8 apenas 2 são jogadores do plantel principal. Alfatih mudou de atitude à ultima de hora e John Ogu chegou de Táxi (...) ao Estádio. 
Pelo meio, o jogador Keita equipou-se mas deu meia volta e foi-se embora. Infelizmente não se poderia contratar nenhum espectador que quisesse ter um momento histórico e dar uns pontapés na bola durante 90 minutos. 
Este é o estado a que o futebol português chegou. Para quem quer o alargamento, o caso da União é sintomático. O problema é que não é o único, e situações destas não acontecem mais vezes porque alguns dirigentes não deixam que o sindicato interfira na gestão dos clubes.
Abriu-se uma caixa de pandora, mas pode-se ter criado aqui um motivo para o alargamento tão desejado pela maioria dos clubes que atravessam dificuldades financeiras.


Jesus e o FCP

A novela em torno da continuidade de Jesus à frente do Benfica parece ser um dos pontos de interesse do Verão, antes do Euro 2012. 
A julgar pelas notícias e os comentários de pessoas ligadas ao clube encarnado, Jesus não estará em condições de continuar à frente do Benfica. Não tem as condições nem terá a motivação para uma quarta temporada. No entanto, as declarações de Manuel Sérgio criam um mau estar na estrutura benfiquista e deixam o técnico embaraçado, pelo que não tem outro caminho que sair.
Não que Vitor Pereira vá ser despedido, mas o actual treinador campeão não é amado no Dragão, pelo que uma má época ditará a sua saída e ainda por cima o contrato acaba para o ano. Enquanto isso, Jesus fica um ano sabático à espera do tão ansioso convite.
É que o Benfica só não foi mesmo campeão por causa de JJ e o FCP com VP nunca será uma equipa de encher o olho. 
Isto apenas no campo da especulação, mas perante o olhar esguio e as mãos nos bolsos após o empate em Vila do Conde, Jesus e o Benfica têm mesmo de seguir vidas diferentes.

domingo, 29 de abril de 2012

Jesus oferece o titulo ao Dragão...

FC Porto é bicampeão, conquista assim o seu 26º titulo nacional.
Bem pode agradecer a Jesus o facto de ter "dado" o titulo em sua casa e agora em Vila do Conde. Mas será que não foi de propósito?

sábado, 28 de abril de 2012

Um Leão muito pequeno...

Foi há 10 anos que o Sporting Clube de Portugal conquistou o seu ultimo titulo nacional. Laszlo Boloni foi o autor da proeza. Desde então para cá, apenas Paulo Bento conseguiu conquistar troféus com taças de Portugal. 
4 Presidentes e nove treinadores passaram pelo clube da Alvalade desde então. Clube que nos ultimos três anos tem andado longe da discussão do titulo e a lutar com o Sp.Braga pelo terceiro lugar. No entanto, no curriculo há uma final da Uefa perdida em casa e uma meia final da Liga Europa. Apesar do insucesso interno, a equipa de Alvalade consegue mostrar argumentos na Europa, mas a Champions há muito que não passa de um sonho. O grande objectivo será chegar ao nível de Benfica e FCP. Tanto a nível desportivo mas sobretudo no aspecto financeiro. Para já, resta ao Sporting lutar com o o Sporting de Braga, o estatuto de terceiro classificado, porque os outros rivais estão bem longe. 
Vão ser precisos mais dez anos para que o clube de Alvalade volte a ser um grande...

União em greve

Amanhâ, vai-se dar um caso inédito no futebol português, mas que há muito está para acontecer. Os jogadores do Leiria não vão jogar contra o Feirense, possibilitando assim à equipa da Feira somar três preciosos pontos na luta pela manutenção. O seu maior rival, a Académica vai ter que se deslocar a Alvalade e não beneficiará de três pontos extra.
A situação que o Leiria chegou deveu-se muito ao estádio que tão vazio continua na cidade do Lis.
Mas não só. A irresponsabilidade, para não dizer coisas mais graves, dos dirigentes de futebol, leva a que pessoas fiquem sem salário ao fim do mês.
Num momento em que discute o alargamento, é bom que se pense primeiro antes de se fazer porcaria. Para que não haja mais casos como o do Leiria é necessário resolver questões tão simples como : preço dos bilhetes, horarios de transmissão, qualidade dos estádios, promoção do futebol.
Se alguém tivesse pensado nisto antes, o Leiria amanhâ jogava contra o Feirense e não desvirtuava a classificação geral.

sexta-feira, 27 de abril de 2012

Novo reforço dos All Blacks


Pep no Chelsea

É oficial. Pep Guardiola vai sair do Barça e o próximo destino será Londres. Nem a provável vitória na Champions deixará Di Matteo à frente do Chelsea. Inicia-se assim um novo ciclo no Barcelona mas também nos blues. Haverá mudanças significativas em Espanha e Inglaterra e penso mesmo que os catalães atravessarão um ciclo penoso até regressarem às vitórias, até porque Mourinho já tem o seu Real consolidado.

quinta-feira, 26 de abril de 2012

Todos Sporting

Hoje, e apesar de todas as diferenças clubisticas, os portugueses vão estar a puxar pelo Sporting. Os mesmos que o ano passado torciam por FCP, Braga e Benfica.
Se alcançarem a final, os leões conseguem a sua terceira da história e a segunda em 10 anos. Depois da final de Alvalade frente ao CSKA, Sá Pinto tem a tarefa de colocar o Sporting de novo na rota de um grande titulo.
Se em dois anos, o trofeu vier para a Portugal, o futebol mundial estará de olhos postos em nós. Durante largos anos...

bola no espaço

A bola que Sérgio Ramos ontem pontapeou no 4º penalti do Real Madrid frente ao Bayern Munique no jogo da 2ª mão das Meias Finais da Champions 2011-2012, foi parar ao espaço.
O estrondo foi tão grande que o esférico ultrapassou a atmosfera e foi parar às mãos de um astronauta norte-americano que estava a reparar a sua nave. 
E depois digam mal dos portugueses que por lá andam a brilhar.

quarta-feira, 25 de abril de 2012

Comentários do futebolês I

"O árbitro está com penalidade fácil" 

- António Tadeia a comentar o penalti do Real Madrid no primeiro golo do Bayern na 2ª mão da meias finais da champions 2011\2012, RTP

O próximo defesa esquerdo

Este poderá o ser o lateral esquerdo do Benfica na próxima temporada. Fábio da Silva pode estar incluido no negócio Gaitan. Com o brasileiro pode vir Anderson, ex-FCP. 
Sendo a esquerda um dos pontos negros do Benfica, a possibilidade é excelente. O clube da Luz poder perder um mágico, mas Gaitan nunca foi em termos de regularidade, uma grande ajuda para a equipa neste dois anos. Não foi ele que "carregou a equipa às costas", cabendo essa tarefa sempre a Aimar. 
Apesar das suas qualidades, Nico nunca foi um Simão Sabrosa ou Di Maria, tendo ficado no banco por várias vezes. Além disso, extremos com qualidade não faltam por aí.  E o Benfica precisa mesmo de um defesa esquerdo com qualidade.

fim da era blaugrana

A vitória do Chelsea nas meias finais da Champions, coloca um ponto final na era de sonho do Barça de Pep Guardiola. Ainda falta a final da taça do rei, mas as grandes competições foram pelo caminho. Depois do tri no campeonato e de duas Champions, o futebol maravilhado de Messi e companhia tem os seus dias contados. 
No futebol como na vida há ciclos. O de Pep acabou ontem.  
Se Pep continuar à frente do clube catalão, terá de inventar outro tipo de futebol para ganhar jogos. É que este já não perfura os autocarros que se colocam à frente dos magos blaugranas. Caso venha um novo treinador, haverá certamente outra ideia de jogo e com outros protagonistas, pelo que esta equipa que há 20 anos joga junta pode desfazer-se. 
O segundo golo do Chelsea, fez-me lembrar o Benfica de Jesus. Sempre a atacar, mas com poucos cuidados defensivos. Lembro-me da forma como Mourinho venceu o Barça e se apurou para a final do Bernabeu com o Inter. Começa a ser evidente que esta equipa de Guardiola defende mal e com poucas unidades. Um problema que Jesus não conseguiu resolver em três anos no Benfica.

terça-feira, 24 de abril de 2012

Tudo para conquistar a Champions

A poucos minutos de iniciar o Barcelona-Chelsea para  a segunda mão das meias finais da Champions, convêm recordar o prometido por Roman Abramovich
Serão 240 mil euros para cada jogador, caso consigam conquistar o troféu em Munique. Para isso terão de ultrapassar o Barcelona e provavelmente o Real Madrid.
Após o roubo frente ao Benfica, Roman tenta por via financeira conseguir um troféu que nunca conseguiu tocar.

segunda-feira, 23 de abril de 2012

derby de Manchester

É em Inglaterra que reside o principal interesse no final da época. Em Espanha, Itália, França e Portugal o titulo já não deve escapar a quem ocupa a liderança na tabela.
Em terras de Sua Majestade, o jogo do titulo é daqui a uma semana. Em caso de vitória, o City passa para a frente. Seria justo para a equipa de Mancini devido à qualidade dos seus jogadores, mas o United está sempre em alta.
O grande jogo é só daqui a 8 dias, mas a cidade já ferve...

domingo, 22 de abril de 2012

A hora de Vettel

E ao quarto grande prémio, Sebastien Vettel venceu. No mitico GP Bahrein, o bi campeão do Mundo voltou a conquistar uma corrida e assumiu a primeira posição do Mundial, que havia sido de Hamilton. Apesar da vitória, Vettel ainda não mostrou dominio total. Perante o cenário de quatro vencedores em diferentes grandes prémios, é de esperar emoção na temporada em curso. 
Quem está de regresso é também Kimi Raikkonen. O ICEMAN conquistou o seu primeiro pódio após o seu retorno, depois de alguns anos de ausência. 
Este Mundial tem o extra de juntar 6 campeões do Mundo, pelo que é de esperar muita competitividade. De todos os antigos campeões, apenas Schumacher parece estar longe dos primeiros lugares

à espera de milagres - jornada 27

São apenas 3 os pontos que separam o FCP do Bicampeonato. A deslocação à Madeira poderá confirmar a renovação do titulo e mesmo que não ganhe uma escorregadela do Benfica em vila do conde pode dar a festa aos dragões.
Uma derrota portista e vitória benfiquista, apimenta o clássico entre FCP-SCP, deixando nitidamente os adeptos das águias a torcer pelos leões, à semelhança do que recentemente aconteceu no derby lisboeta. Se estas previsões se verificarem a ultima jornada será decisiva. 
São só suposições, mas os adeptos do Benfica acreditam em dois maus momentos do FCP.
O Sp.Braga ainda não garantiu o terceiro lugar mas tem dois jogos em casa relativamente fáceis para o fazer. Caso não conquiste os quatro pontos e o Sporting fizer 6, tudo fica adiado para a ultima jornada. 
A questão do titulo e do terceiro lugar podem ainda ser decididos na derradeira ronda. 
Em relação à manutenção, o Leiria tem o destino traçado e só o alargamento a poderá salvar, mas com tantos problemas financeiros o mais normal é passar uns belos anos na segunda divisão. O Feirense com a vitória ainda pode sonhar, mas precisará de escorregadelas de Académica, Beira-Mar e Rio Ave. Os unicos que ainda não estão matematicamente salvos.

Campeões

Estes já são campeões...........

Este é quase.........

sexta-feira, 20 de abril de 2012

Manobras de marketing

Sempre que um clube português alcança uma grande vitória que lhe dê projecção, no dia seguinte há sempre um jogador que se destaca e tem meia europa atrás dele. 
Isto acontece muito no Benfica e Sporting, pelo destaque que os seus triunfos têm. Se no caso dos encarnados, é uma coisa normal, já a agenda leonina começa a saltar devido ao enorme sucesso que os leões têm tido na Liga Europa. 
O alvo preferencial desta vez é Schaars. O jogador que manda no miolo sportinguista tem Fulham e Sunderland interessados no seu concurso. Ora, ter clubes que lutam para não descer na liga inglesa interessados no concurso é algo que não orgulhar nenhum jogador. No entanto, é necessário valorizar o jogador após um bom jogo. Isto para ver se outros clubes de maior envergadura se chegam à frente rapidamente. 
Esta manobra de marketing é muito interessante. Podemos colocar a culpa no próprio jornal, mas também não é descurar que haja aqui um certo dedinho do empresário do atleta para valorizar a sua pérola. 

O sonho leonino

A vitória de ontem do Sporting frente ao Bilbao é importante para o clube mas também para o futebol português. Um ano depois, Portugal pode ter o seu terceiro representante em três anos. Assim o ranking nacional aumenta, os jogadores e treinadores são valorizados e com isso as receitas crescem. 
Não se entende como é que o clube de Alvalade faz a figuraça na Europa e depois domesticamente é uma miséria. Será que o efeito Sá Pinto terá sucesso na próxima temporada?

quinta-feira, 19 de abril de 2012

Raça leonina

Foi assim que Sá Pinto lançou a eliminatória com o City. Fá-lo da mesma forma perante o Athletic num jogo que pode ser histórico para o clube mas também para o futebol português, até porque era engraçado um clube nacional intrometer-se no meio de três equipas espanholas.

terça-feira, 17 de abril de 2012

Afinal, Alvalade gosta ou não da fruta?

Ainda é cedo para se dizer qualquer coisa, mas parece que PPC é mais forte que Godinho Lopes e que o primeiro dificilmente sairá do Sporting por sua e livre vontade, mesmo que isso implique criar instabilidade no seio do clube a Luis Duque e a Carlos Freitas.

Nos próximos iremos saber mais desenvolvimentos, à medida que a investigação for avançando, mas penso que isto é só o inicio de algo muito grave.


Lembram-se de quem foi para a bancada no jogo entre Benfica-Sporting?

segunda-feira, 16 de abril de 2012

contestação instrumentalizada



Apesar desta imagem de festa, nem tudo foi pacifico para os homens de Jesus. A recepção no Estádio da Luz não foi das melhores e nem parecia que o clube tinha ganho mais um título. Nota-se um certo mal estar na Luz por causa do treinador, mas assobiar a equipa no próprio dia do jogo não parece correcto, até porque um título é sempre um título.

À semelhança do que acontece no Sporting, também no Benfica há instrumentalização daqueles que querem ver cair o treinador e posteriormente a direcção. É óbvio que o treinador é o elo mais fraco, mas depois vem mais qualquer coisa.

Os ultimos dois jogos do Benfica na Luz no campeonato deverão medir se a maioria dos adeptos estão com o treinador ou não. Curioso é que o jogo da 29ª jornada na Luz pode coincidir com o titulo do FCP.

Está lançado o cerco a JJ mas também a LFV.

Em Alvalade ninguém gosta da fruta

A atitude do Conselho Directivo Leonino e em especial de Godinho Lopes merece aplauso. A não complacência com actos de corrupção de dirigentes só fica bem à estrutura directiva leonina. É óbvio que ninguém é culpado antes de ser condenado, mas para que no futuro ninguém pense que pode fazer o que quiser, Godinho Lopes lança este sinal. É importante para dentro mas também para fora, porque significa que o Sporting quer ganhar dentro de campo e da legalidade.

Pinto da Costa, papa titulos



Pinto da Costa completa hoje 30 anos à frente do FCP. Desde 1982 para cá o clube azul e branco tornou-se num verdadeiro papa-trofeus e o Presidente é o lider mais titulado de sempre. Tem 18 campeonatos nacionais. Só o mitico Santiago Bernabeu consegue chegar perto com 16. PC vai a caminho do seu 19º e promete tentar chegar aos 20.

Com a sua chegada, o FCP passou a ter a hegemonia do futebol português, retirando o brilho e glória ao Benfica, seu rival e inimigo de sempre.

O objectivo de colocar o FCP como o clube mais titulado do futebol nacional já está conseguido, resta agora "calar" os benfiquistas ultrapassando o clube da luz em numero de campeonatos nacionais. Mas não foi só no futebol que PC se destacou como lider. Nas outras modalidades também conseguiu destaque. Só no Hoquei Patins tem 20 campeonatos nacionais.

O ponto mais alto foi a conquista das duas taças dos clubes campeões europeus em 1987 e em 2004. Tem também duas Taças Uefa.......

No entanto, nem tudo é rosa no seu mandato. Os casos de corrupção desportiva e aliciamento de árbitros vão ficar marcados no seu reinado. O apito dourado e as escutas tão cedo não vão sair da memória.....

Para que fique registado são 117 os titulos de PC nas modalidades mais importantes.

domingo, 15 de abril de 2012

Nico number 1



Nico Rosberg venceu o GP China.......

Este é o terceiro vencedor nos três grandes prémios já realizados. Até ao momento ainda não vimos nada do actual bicampeão do Mundo. Nada de preocupante, até porque se a competitividade se mantiver assim temos emoção até ao fim.

sábado, 14 de abril de 2012

A terceira competição

A conquista da taça da Liga pelo Benfica não será mais do que um trofeu, apesar de igualar o número de titulos do FCP. Pode ser o ultimo caneco para Jesus ao serviço das águias. Paulo Alves e o Gil podem muito bem chegar ao céu com a conquista do primeiro trofeu para o seu clube. Seria mais interessante se o Braga estivesse em Coimbra...

sexta-feira, 13 de abril de 2012

O Leão também gosta de fruta

Não que o Sporting vá ser desqualificado do unico troféu que ainda pode ganhar, não que isto desmoralize os sócios e equipa.

Mas esta situação pode muito bem afectar a preparação para a próxima época, até porque é uma mancha enorme na estrutura directiva de Godinho Lopes. Duque e Freitas não estão contentes. Muito menos Sá Pinto.

Num clube que sempre pugnou e lutou pela verdade desportiva e ainda para mais, com dirigentes a atacar constantemente a arbitragem, isto é um enorme revés.

Neste momento complicado a nível desportivo e financeiro, que aconteça um caso judicial era tudo o que Godinho não queria.

O actual vice-presidente foi protagonismo do caso da caixa de segurança na Luz aquando do jogo Benfica-Sporting, provocando os dirigentes benfiquistas e incitando os adeptos leoninos à violência, ao ter ido para as bancadas da luz em vez de se deslocar para a tribuna presidencial.

É mais uma acha para a fogueira leonina que está autenticamente entre a espada e a parede. Sorte é que o clube rival não está melhor.